quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

5ª feira

A quinta-feira é para mim o chamado "turning point", depois de mais uma sessão de quimio.
Na terça, lá fui eu à 4ª e última do 1º ciclo de quimioterapia.

Desta vez, um motorista diferente. O meu irmão mais velho levou-me, ao passo que o irmão mais novo ficou a tomar conta e lidar com a Ritinha. Os irmãos podem ser muito chatos, especialmente quando somos uma teenager inconsciente a querer sair à noite e o mais velho quer proteger-nos dos bichos papões todos deste mundo e do outro! Os irmãos mais novos também conseguem ser uma pedra no sapato quando querem, uns chatos :)

Mas, quando o mundo entra em sintonia, os irmãos podem ser os nossos melhores amigos e companheiros de luta. A eles, o merecido obrigado!

Hoje, como estava a dizer, é o "turning point" do meu estômago. O dia a seguir à quimio é marcado por um cansaço extremo, dores no corpo e vontade de silêncio. Dois dias depois, i.e. hoje, apetece-me inverter o efeito de gravidade que o meu estômago parece ganhar.

Mas nada posso fazer, a não ser contar os dias e esperar acordar no sábado mais bem disposta e com um sol lindo.

O que atenua estes efeitos?

Receber umas flores, a vizinha (e amiga) que me visita diariamente e traz sopinha fresca, uma amiga que vem fazer o almoço, chocolates vindos da Alemanha, Nelson & Risy a full-time cá em casa para o que der e vier, o Nuno que finalmente regressou de viagem e uma menina linda que diz que a mamã está bonita com o cabelo pequenino!

Beijinhos :)

2 comentários:

  1. Um grande beijo para ti, e obrigada por partilhares connosco estes teus momentos... ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada querida amiga por acompanhares e dares apoio :)

      Eliminar